• Redação

Campanha de Vacinação contra a gripe entra na reta final

Meta estipulada para a vacinação ainda não foi alcançada entre as gestantes, pessoas com deficiência física, puérperas e crianças maiores de seis meses e menores de seis anos.

A população que se enquadra no grupo prioritário da Campanha de Vacinação contra a gripe tem até esta terça-feira para se imunizar. Para o máximo  de pessoas receberem as doses, nesta terça (30) e quarta-feira (01), equipes da Fundação Municipal de Saúde (FMS) estarão no container do Espaço Saúde, no Parque Ambiental, das 9h30 às 15h30. A vacina também será aplicada nas 20 salas de vacina, localizadas nas Unidades Básicas de Saúde (UBS).


De acordo com a FMS, a meta estipulada para a vacinação ainda não foi alcançada entre as gestantes, pessoas com deficiência física, puérperas e crianças maiores de seis meses e menores de seis anos.


Um dos objetivos de disponibilizar a imunização no Parque Ambiental é proporcionar mais um espaço acessível para que o público-alvo possa se vacinar.


A imunização em pessoas com mais de 60 anos e em profissionais de saúde teve resultado positivo atingindo a meta proposta pela FMS de vacinar 90% da população inserida nesses grupos. “A preocupação principal agora é vacinar as 8 mil crianças, 1,5 mil gestantes e 300 puérperas faltantes para que a nossa meta seja alcançada”, afirma a enfermeira da Atenção Primária, Daniele Fabian.


 “A vacina é um dos meios mais eficazes para se proteger contra a Influenza. Por isso ressaltamos a necessidade de as pessoas se vacinarem, especialmente para estimular o organismo a produzir anticorpos contra essa doença respiratória. Neste momento de pandemia, a vacinação se faz mais importante ainda para ajudar as equipes a rastrearem os casos de coronavírus, já que alguns sintomas são semelhantes”, destaca a secretária de Saúde, Angela Pompeu.


Em caso de chuva, a ação poderá ser cancelada para evitar transtornos.


Podem se vacinar as pessoas pertencentes aos grupos prioritários de todas as fases e que ainda não foram imunizados: crianças de 6 meses a menores de 6 anos; pessoas com deficiência; gestantes; puérperas até 45 dias; adultos de 55 a 59 anos de idade; professores das escolas públicas e privadas; portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais; profissionais das forças de segurança e salvamento; caminhoneiros, motoristas de transporte coletivo e portuários; idosos com mais de 60 anos; e trabalhadores da saúde.


Nas salas de vacina das Unidades Básicas de Saúde (UBS) a vacinação ocorre das 09h às 12h e das 13h às 16h.


Documentação

Para os portadores de doenças crônicas não transmissíveis mantém-se a necessidade de prescrição médica especificando o motivo da indicação da vacina, que deverá ser apresentada no ato da vacinação. O médico pode indicar a vacina para o paciente que desejar, porém as da rede pública só serão aplicadas se no receituário constar uma das indicações das categorias de risco clínico do informe do Ministério da Saúde. Os usuários já cadastrados em programas de controle das doenças crônicas do SUS devem se dirigir às unidades que estão cadastrados para receberem a declaração para conseguir a vacina.


Já professores devem apresentar documento que comprove vínculo empregatício ou holerite recente acompanhado de documento com foto, e profissionais das forças de segurança e salvamento, caminhoneiros e motoristas de transporte coletivo e portuários deverão apresentar documentos que comprovem a ocupação.

Visite

R. XV de Novembro, 591 

Centro 

Ponta Grossa - PR

Ligue

Fone: 42 - 3028 1300

Whats: 42 9 9994 1011