top of page
  • CBN Ponta Grossa

Com redução de ICMS, preço da gasolina cai até R$0,60 em Ponta Grossa

Na semana passada, segundo a pesquisa da Agência Nacional do Petróleo (ANP), a gasolina era vendida em média por R$ 7,073 em Ponta Grossa.

Foto: AEN

Com a redução do ICMS na semana passada, o preço da gasolina sofreu queda de R$ 0,61 em média em Ponta Grossa. O litro do combustível é vendido entre R$6,09 e R$ 6,99, de acordo com o aplicativo Menor Preço. A média na cidade é de R$ 6,46.


O menor preço caiu R$ 0,60. Na semana passada, segundo a pesquisa da Agência Nacional do Petróleo (ANP), a gasolina era vendida em média por R$ 7,073 em Ponta Grossa.


Alguns postos vendiam o litro por R$ 6,69 e outros por R$ 7,27. A baixa no preço do combustível começou a ser registrada após a aprovação da lei complementar 194/22 que limitou a cobrança do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) à alíquota aplicada às mercadorias em geral.


No Paraná, a cobrança foi reduzida de 29% para 18% nos combustíveis, energia elétrica, comunicações e transporte coletivo. A estimativa era de que a queda do preço do litro seria entre R$ 0,50 e R$ 0,60.


De acordo com o Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis e Lojas de Conveniências do Paraná (Paranapetro),a baixa da alíquota do ICMS deve ser repassada aos postos de forma gradativa ao longo deste semana conforme a renovação dos estoques das distribuidoras.


O Sindicato afirmou, em nota, que apoia integralmente a medida e que a redução vai beneficiar o consumidor e a sociedade como um todo, além de aquecer a economia e combater a guerra fiscal entre estados.


Uma pesquisa da ANP mostrou que o Paraná é o estado em que o preço do litro da gasolina mais caiu em todo o país. Conforme a pesquisa, a média passou de R$ 7,41 para R$ 6,84 no estado.


Com a redução do ICMS, a estimativa do Paraná até o final do deste ano é de uma perda de receita de R$ 3,95 bilhões.


A partir de 2023 será de R$ 7,90 bilhões. Como consequência, o valor dos repasses obrigatórios para municípios, Fundeb, saúde e educação será reduzido em 17,5%, na comparação com a Lei Orçamentária Anual 2022 (LOA), com igual impacto nos repasses obrigatórios aos municípios e outros Poderes.


Em novembro do ano passado, o Paraná congelou o Preço Médio Ponderado ao Consumidor Final (PMPF) sobre combustíveis.


Segundo um levantamento da Fecombustíveis com a defasagem nos preços médios ponderados, além de não ser reajustado para seguir o preço de mercado, o ICMS também não acompanhou a inflação, o que na prática já representa uma redução real do tributo, o que ocorreu ao longo de mais de seis meses.



bottom of page