top of page
  • CBN Ponta Grossa

Copel troca medidores no Centro-Sul e Região Metropolitana de Curitiba

A previsão é de que durante o mês de março outros sete municípios recebam a visita dos profissionais contratados pela Copel, na região

Foto: Divulgação

O programa Rede Elétrica Inteligente está levando soluções de automação do sistema elétrico para clientes em diversas regiões do Paraná. Este avanço de tecnologia passa pela troca do relógio de luz nas unidades consumidoras, trabalho que está em andamento atualmente em 16 municípios das regiões Metropolitana de Curitiba e Centro-Sul do Paraná. Os eletricistas da empresa Eleng, contratada pela Copel para realização do trabalho, estão visitando domicílios em Agudos do Sul, Antônio Olinto, Carambeí, Inácio Martins, Irati, Lapa, Mandirituba, Palmeira, Ponta Grossa, Prudentópolis, Rio Azul, São Mateus do Sul e Teixeira Soares. O trabalho segue também em Araucária, Contenda e Fazenda Rio Grande, onde a substituição dos medidores está em fase de conclusão.  


A previsão é de que durante o mês de março outros sete municípios recebam a visita dos profissionais contratados pela Copel, na região. A troca do medidor leva em média 30 minutos, período em que é necessário desligar a unidade consumidora. O serviço não tem custo para o cliente, e é realizado exclusivamente na entrada de serviço, onde o medidor de energia está instalado. Os funcionários da Eleng estão devidamente identificados e possuem carta de apresentação emitida pela Copel. Em média, 7 mil medidores têm sido trocados semanalmente pelo Programa Rede Elétrica Inteligente. 



BENEFÍCIOS


A modernização dos medidores é acompanhada de investimentos de automação na rede da distribuidora, formando um conjunto que permite ao consumidor acompanhar o consumo em tempo real por meio do aplicativo da Copel para celulares. Quando os medidores passam a se comunicar com uma central da empresa, há a possibilidade de executar comandos remotos, agilizando serviços rotineiros, como a ligação e religação de energia, e também o retorno da luz em desligamentos ocorridos por fatores externos, como os temporais, por exemplo. Os novos dispositivos ainda tornam automática a leitura do consumo, otimizando a administração dos serviços de eletricidade.  



NOVA FASE


O Programa Rede Elétrica Inteligente está sendo executado por fases, em uma primeira etapa que cobrirá toda a região sul do Estado, com um investimento de aproximadamente R$ 820 milhões. A primeira fase cobriu a faixa Sudoeste e parte do Centro-Sul paranaenses, com 73 municípios. A atual frente de trabalho atenderá 28 municípios da Região Metropolitana de Curitiba, Campos Gerais, mais uma porção do Centro-Sul e a Ilha do Mel. Em breve, serão iniciados os trabalhos da terceira fase, na região Oeste do Paraná. 



SERVIÇOS DIGITAIS


Com a instalação do medidor inteligente e sua conexão ao sistema, os clientes podem monitorar o consumo em tempo real pelo aplicativo da Copel para dispositivos móveis Android e iOS. O aplicativo também permite solicitar serviços, acompanhar débitos e recuperar informações para pagamento de contas atrasadas, entre outras funcionalidades. 


Dado que o medidor inteligente elimina a necessidade de visitas mensais para leitura do consumo, a Copel também incentiva o cadastro para o recebimento das faturas de luz por e-mail, reduzindo o uso de papel. A fatura digital apresenta outras vantagens, como a prevenção de extravios. Ela serve normalmente como comprovante de endereço, assim como as faturas impressas. 


Das Assessorias

Comments


bottom of page