• ricardosilveira93

Corrida na Roça atrai mais de 400 atletas à Cachoeira da Mariquinha

Primeira etapa do Circuito 2021 aconteceu neste domingo com a corrida de 7 quilômetros, caminhada de 5 quilômetros e ainda corrida kids. Próxima etapa será no Distrito de Uvaia, às margens do Rio Tibagi

(Foto: Reprodução).

A previsão era de um domingo cinza e chuvoso, mas até o clima foi totalmente favorável à primeira Corrida na Roça do Circuito 2021 – Etapa Mariquinha. Nada de chuva, clima agradável, desafios superados, protocolo cumprido e cerca de 400 atletas na competição. Foi o resultado do evento que este ano conta com apoio da Lei Municipal de Incentivo ao Turismo e que aumentou ainda mais as expectativas para as etapas seguintes, que já estão agendadas para os dias 26 de setembro, a Etapa do Distrito de Uvaia e a última, no dia 24 de outubro, a Etapa da Cachoeira do Rio São Jorge.


José Antônio de Moraes, de 63 anos, veio de Curitiba com grupo de amigos para conhecer o atrativo turístico de Ponta Grossa. “Está já é a quinta Corrida na Roça que participo e o trajeto sempre surpreende, desta vez a parte mais emocionante foi atravessar o rio”, conta Moraes.

(Foto: Assessoria).

Celso Alves, 65 anos, é de Ponta Grossa e conta que era grande a expectativa pela retomada dos eventos esportivos na cidade. “Sempre prestigiamos a Corrida na Roça e já estamos inscritos nas outras duas etapas, e estávamos ansiosos pela volta das corridas, e realmente superou todas as expectativas, sem aglomerações, com protocolo rigoroso sendo cumprido, enfim, foi tudo muito bom”, descreve.


O curitibano Caio Kozano Schinemann participou pela primeira vez da competição. “Há cerca de sete meses estou melhorando a resistência do corpo, com freqüência na academia e treinando corrida no asfalto, mas é a primeira vez que participo de um evento em trilha e jamais imaginei que teria uma linda cachoeira no caminho, realmente o trajeto é por inteiro muito lindo”, define.


Graciele Pires Vieira, 46 anos, pela primeira vez participou de uma corrida na área rural.

“É bem desafiadora, com muitos obstáculos, mas a paisagem é linda, e estamos ansiosos pelas próximas etapas, valeu muito à pena”, conta Graciele, que também veio com grupo de amigos.

(Foto: Assessoria).

Antonio Marcos Rodrigues, de 41 anos, completou neste domingo a terceira participação na Corrida na Roça. “Esta foi mais difícil que as outras, mas com relação às paisagens esta etapa foi bem mais gratificante”, conta Rodrigues, que acabou vindo sem a família, por conta da previsão de chuva. “Mas como agora já pude conferir o quanto o lugar é lindo, vou voltar aqui com a família pra passear”, confirma.


Juliana Schasiepen, de 40 anos, já participei e quase todas as Corridas na Roça. Moradora de Tibagi, ela sempre vem aos eventos acompanhada de amigas. “Não conhecíamos ainda a Cachoeira da Mariquinha, e é muito bonita, valeu muito à pena”, conta.


Edivan de Carvalho Nascimento, tem 31 anos, e também participou pela primeira vez de uma competição. Ele mora no Piauí, mas está hospedado em Tibagi, na Região dos Campos Gerais, e aproveitou a estadia para competir e se desafiar. “Já tenho uma paixão pela corrida e em Tibagi, nestes dias que estou lá conheci pessoas que me influenciaram positivamente e me indicaram a prova, mas não imaginei que era tão difícil, mas realmente foi compensador e ficou a vontade de voltar, para outros eventos e também a passeio”, revela.


Priscila Miara Lourenço Ortiz veio de Castro com o esposo e o filho, o pequeno Mateus Miara Ortiz. Ela e o esposo participaram da corrida de 7 quilômetros e o pequeno Mateus da Corrida Kids. “Tive que parar pra admirar a cachoeira, foi a parte mais linda do trajeto”, destaca.


Larissa Guimarães Valentim e mãe Luciana Guimarães participaram da caminhada de 5 quilômetros. “Já conhecia a Cachoeira, mas ainda não tinha visto o novo mirante e pela primeira vez estivemos no evento, e realmente é uma experiência única”, relata.

Gilmar Moreira Junior é sócio proprietário da Dolina’s Lanches, que fica junto da estrutura da Cachoeira da Mariquinha. “Estávamos sentindo falta dos eventos, e uma realização como esta da Cavali Pró Eventos realmente faz a diferença, porque apesar do tempo que existe o atrativo turístico, a cidade não tinha esta tradição, mas agora pode-se dizer que é possível ter o turismo como fonte de renda aqui em Ponta Grossa, pois na Mariquinha de 85% a 90% dos visitantes são de outras cidades, principalmente da capital, e as parcerias estão fomentando ainda mais a região”, enfatiza.


Segundo ele, por conta da Corrida na Roça, ainda, o restaurante promoveu na noite anterior à corrida, no sábado um evento para 25 turistas, a maioria deles vindos de Curitiba. “ Servimos caldos e eles puderam curtir o por do sol no mirante e ainda a caminhada noturna até a Cachoeira, e foi uma experiência muito interessante, motivada pela realização da corrida”, destaca. De acordo com a turismóloga Karen Kobilarz o evento marca uma retomada do setor. "Este é um projeto que alia esporte e turismo, ambos setores afetados pela pandemia, mas que agora juntos se fortalecem", define.

As largadas escalonadas tiveram início às 8 horas e seguiram até perto das 10 horas. “Tudo correu dentro do esperado, o protocolo de segurança para prevenção da Covid 19 foi cumprido, todos os participantes colaboraram bastante”, destaca Kleber Cavali, diretor da Cavali Pró Eventos.


Ainda como parte do protocolo de segurança, a premiação não aconteceu neste domingo. “A divulgação dos resultados foi à tarde e todos receberam medalha de participação, mas os troféus aos 3 primeiros lugares de cada categoria serão entregues a partir desta segunda-feira, na loja Treme Terra, no Shopping Palladium. “E aos vencedores de outras cidades, os troféus serão encaminhados pelos Correios", conta Alexyan Cavali, um dos organizadores do evento.


Este é o quinto ano consecutivo da Corrida na Roça. O primeiro evento foi realizado em 2016. A segunda etapa da Corrida na Roça 2021 ocorrerá no dia 26 de setembro, no Distrito de Uvaia, com largada e chegada na Capela Santíssima Trindade. O circuito encerra no dia 24 de outubro, com a terceira etapa que acontece na Cachoeira do Rio São Jorge, um dos atrativos turísticos já consagrados na região dos Campos Gerais. As inscrições, para as duas etapas, já estão abertas no site cavaliproeventos.com.br.

“E mais uma vez o evento cumpriu os objetivos de proporcionar desafios, saúde e lazer ao mesmo tempo, sem causar interferências na natureza, que é a proposta, lembrando que toda a estrutura montada para a Corrida na Roça tem todo o cuidado de não causar modificações na natureza do lugar”, destaca Denise Martins, uma das organizadoras.


Kleber Cavali, diretor da Cavali Pró Eventos falou a CBN a respeito da prova.


Ouça abaixo: