• Redação

Dengue é causa de morte de 105 pessoas desde agosto de 2019

Em Ponta Grossa, 27 casos já foram confirmados neste período, sendo 5 autóctones e 9 importados.




A Secretaria de Estado da Saúde confirmou em boletim epidemiológico desta terça-feira (14) mais 27 óbitos por dengue, que estavam em investigação. As mortes ocorreram desde o início de fevereiro, mas somente nos últimos dias tiveram a conclusão da causa definida como dengue. Os dados do boletim semanal mostram 114.711 casos confirmados da doença no período, 12% a mais que o boletim anterior, que trazia como total 102.427. Em todas as 22 regionais de saúde já há casos confirmados. No total, 333 municípios registraram pessoas com a doença. Isso representa 83% dos municípios paranaenses.


A 3ª Regional de Saúde de Ponta Grossa confirmou 52 casos neste período. Apenas no município, 27 casos já foram registrados neste período, sendo 5 autóctones e 9 importados. COMPARAÇÃO - A diferença entre o período anterior de 2018/2019 mostra um incremento de 3.475% no número de casos, ou seja, 111.503 a mais em comparação ao mesmo período do ano passado. SITUAÇÃO – Em situação de alerta estão 31 municípios paranaenses, três deles entraram esta semana para a lista: Santo Antônio do Sudoeste, Kaloré e Ribeirão Claro. Em epidemia por dengue há 195 cidades, seis a partir desta semana: Matelândia, Farol, São Manoel do Paraná, Bom Sucesso, Ribeirão do Pinhal e Cambará. O boletim desta semana mostra que três municípios registraram casos de dengue grave: Lupionópolis, Jacarezinho e Ivaiporã. ÓBITOS – Os números da dengue são os maiores já registrados em toda a série histórica da Secretaria da Saúde, que investiga e monitora a doença desde 1991.


Informações Agência Estadual de Notícias do Paraná

Imagem: AEN/Divulgação

Visite

R. XV de Novembro, 591 

Centro 

- Ponta Grossa

- Paraná

- Brasil 

Ligue

Fone: (42) 3028-1300

Whats: (42) 99994-1011 

Email

jornalismo@cbnpg.com.br

Contato Comercial

opec@cbnpg.com.br