• ricardosilveira93

EXPO DUBAI: Prefeita discute novas parcerias e avanços para o agronegócio

Elizabeth Schmidt integra a comitiva paranaense que participa da Emirados Árabes Unidos

(Foto: Assessoria).

Representando Ponta Grossa na Feira Mundial de Dubai, Emirados Árabes Unidos, a prefeita Elizabeth Schmidt, depois de participar do lançamento da plataforma de negócios Paraná BX Market Place, que funciona como um cardápio para investidores no Estado, juntamente com o governador Ratinho Junior, tem cumprido uma extensa agenda de discussões com possíveis parceiros comerciais.


Nesta segunda-feira, a prefeita participou de meetings e rodadas de negócios de vários setores. O primeiro compromisso do dia foi com o embaixador do Brasil nos Emirados, Fernando Igreja.


Em seguida, duas palestras sobre interações comerciais com países da região do Golfo Pérsico, regulamentação de negócios, e a operacionalidade do escritório do Brasil em Dubai para empresários exportadores e importadores do Paraná.


No período da tarde, a prefeita Elizabeth Schmidt, acompanhada pela comitiva paranaense, chefiada pelo governador Ratinho Junior, integrou as rodadas de negócios relativas a áreas sensíveis para Ponta Grossa e os Campos Gerais: madeira, papel e celulose; alimentos & bebidas e agronegócio.


Nessa rodada, a prefeita acompanhou o presidente da Cooperativa Agrária, Jorge Karl, assim como representantes da CooperVale, da Cocamar e da Organização das Cooperativas do Estado do Paraná, na apresentação das condições do sistema cooperativo paranaense.


De acordo com a prefeita, o destaque ficou por conta da atual condição do Paraná em relação ao cooperativismo e às perspectivas advindas da união de várias cooperativas para a instalação – em Ponta Grossa – da Maltaria Campos Gerais, o que vai garantir a autossuficiência de malte para toda a cadeia produtiva da cerveja no Estado.

(Foto: Assessoria).

“Nosso sistema cooperativo é modelo global, e as perspectivas abertas com a instalação da Maltaria em Ponta Grossa são excelentes”, registrou a prefeita. Elizabeth também destacou a importância das ações coordenadas, especialmente na região dos Campos Gerais, em favor da sustentabilidade e do manejo adequado das reservas florestais. “A cadeia produtiva da celulose e do papel nos Campos Gerais tem um potencial gigantesco. Como o foco dos negócios, e da Feira em particular, está na sustentabilidade, as boas práticas que temos nessa área e a tradição de cuidado e opções inteligentes na geração de energia, esse setor é visto como um importante aliado para abrirmos novas frentes de negócios”, anotou Elizabeth.


Um dos pontos altos do Pavilhão Brasil nesta terça-feira será a apresentação formal dos vídeos dos municípios paranaenses, inclusive Ponta Grossa, além de novas rodadas de negócios.