• Redação

HGU conta com novos equipamentos respiratórios para a Unidade Covid

Respiradores e Bolhas de Respiração Individual vão auxiliar no atendimento de pacientes.


Cinco novos respiradores e seis BRICs (Bolha de Respiração Individual Controlada) fazem parte do sistema de atendimento do Hospital Geral Unimed em Ponta Grossa. Os equipamentos, inicialmente, serão usados com pacientes de Covid-19.


Conforme o HGU, os ventiladores mecânicos (respiradores) são utilizados tanto para pacientes intubados quanto não há intubação ou traqueostomia.


Os BRICs também fazem parte da ventilação não-invasiva, porém, são uma espécie de capacete, em formato de bolha e com conexões respiratórias que permitem uma zona de controle de oxigênio para ajudar o paciente que não está entubado.


De acordo com Eduardo Bacila de Sousa, presidente da cooperativa médica, os novos equipamentos vão atender tanto o crescente número de casos confirmados, quanto algumas necessidades específicas. “Entendendo pandemia não terminou, que a gente tem identificado casos mais graves com repercussão pulmonar de Covid-19 e que esses internamentos tem sido por mais tempo do que costumavam ser no início da pandemia, então nós continuamos investindo em equipamentos para dar suporte ventilatório”, explica.


Segundo o médico intensivista e coordenador da UTI Covid da instituição, Thomas D’haese, “estudos conduzidos pela Universidade de Chicago, nos Estados Unidos, comprovam que a utilização de um aparelho VNI pode reduzir em até 20% a necessidade de intubação em pacientes com a doença. Há também estudos feitos na Europa, especialmente na Itália, indicando que pacientes com Covid-19 tiveram uma redução de 54% na necessidade de intubação quando utilizaram o método VNI”.