• Redação

Instituto Água e Terra aplicou mais de 300 multas na região durante 2020

Segundo o relatório, a maioria das autuações envolveu atentados contra a flora.

O Instituto Água e Terra (IAT) aplicou 332 multas por infração ambiental na região dos Campos Gerais em 2020. As autuações envolvem atentados contra a flora (16), fauna (14), resíduos sólidos (4), licenciamento (8), poluição (3), mineração (4) e descumprimento de embargo (3).


Nos 18 municípios de abrangência do Escritório Regional do IAT em Ponta Grossa, o valor arrecadado com as multas chegou a R$ 13 milhões. Ponta Grossa foi a cidade com mais Autos de Infração aplicados (52), seguida de Ipiranga (37) e Castro (31).


As punições com a fiscalização ambiental ocorrem mediante sanções administrativas, além da adoção de medidas para promover a recuperação ou correção do dano ambiental.


Os dados são do Instituto Água e Terra, órgão vinculado à Secretaria de Estado do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo do Paraná.


Abrangência

O Escritório Regional do IAT atende Ponta Grossa, Arapoti, Carambeí, Castro, Imbaú, Ipiranga, Ivaí, Jaguariaíva, Ortigueira, Palmeira, Piraí do Sul, Porto Amazonas, Reserva, São João do Triunfo, Sengés, Telêmaco Borba, Ventania e Tibagi.



RELATÓRIO DE INFRAÇÕES AMBIENTAIS DO IAT


Imagem: BPAmb-FV




0 comentário

Visite

R. XV de Novembro, 591 

Centro 

- Ponta Grossa

- Paraná

- Brasil 

Ligue

Fone: (42) 3028-1300

Whats: (42) 99994-1011 

Email

jornalismo@cbnpg.com.br

Contato Comercial

opec@cbnpg.com.br