top of page
  • CBN Ponta Grossa

Leis que criam plano de cargos para servidores municipais começam a ser votadas nesta quarta em PG

São cinco projetos que foram encaminhados pela prefeitura no início do mês e receberam 56 emendas dos vereadores.

Foto: Câmara Municipal de Ponta Grossa

Os projetos de lei que criam o plano de cargos para servidores públicos de Ponta Grossa devem ser votados nesta quarta-feira (24) na Câmara Municipal. São cinco projetos que foram encaminhados pela prefeitura no início do mês e receberam 56 emendas dos vereadores.


A proposta consta na pauta da sessão desta quarta-feira (24) e deve ser votada em regime de urgência. Uma sessão extraordinária pode ser convocada para a votação em duas discussões.


A medida deve impactar a carreira de quase nove mil servidores municipais que inclui a Guarda Civil Municipal, Fundação Municipal de Saúde, Agentes de Trânsito, médicos e servidores da administração direta que ainda não possuem plano de cargos.


Com a aprovação na Câmara, a expectativa é de que os servidores tenham a possibilidade de ascensão na carreira e a garantia de crescimento vertical e horizontal. Os projetos contemplam os servidores da Fundação de Assistência Social, Agência de Desenvolvimento e Inovação, carreiras de Médico da Saúde da Família, Médico Regulador da Assistência em Saúde e Médico do Trabalho.


Conforme a prefeitura, as categorias como professores, advogados, engenheiros e auditores já contam com plano de cargos e salários. O projeto também prevê que nenhum servidor terá remuneração inicial menor que o salário-mínimo nacional para oito horas.


A elaboração dos projetos levou nove meses com reuniões entre a prefeitura e integrantes do Sindicato dos Servidores Municipais (Sindserv). O líder do governo na Câmara, vereador Julio Kuller (MDB) disse à CBN que as emendas são correções do projeto original elaborado pela prefeitura.


O líder do governo confirmou que vai pedir celeridade na aprovação, com a possibilidade de votação em duas discussões nesta quarta-feira (24).

Comments


bottom of page