top of page
  • CBN Ponta Grossa

Mudanças no limite de renda no programa Casa Verde Amarela podem refletir na compra de imóveis em PG

Medida era uma demanda do setor da construção civil, principalmente de construtoras que trabalham com empreendimentos de moradias populares.

As mudanças no limite das faixas de renda do programa Casa Verde Amarela podem refletir na capacidade de compra dos imóveis para habitação em Ponta Grossa. As alterações passaram a valer na semana passada e têm o objetivo de destravar o programa habitacional que foi impactado pela alta de custos e queda da renda das famílias.


A medida era uma demanda do setor da construção civil, principalmente de construtoras que trabalham com empreendimentos de moradias populares.


De acordo com o Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), a faixa mais baixa do programa de até R$ 2.400 foi mantida. A faixa de renda entre R$ 2.400 e R$ 2.600 teve o teto aumentado para R$ 3 mil.


Já a faixa intermediária de R$ 2.600 a R$ 4 mil teve ampliação para R$ 3 mil a R$ 4.400. O grupo de maior renda, que era de R$ 4 mil a R$ 7 mil passou para R$ 4.400 a R$ 8 mil.


Além disso, os juros para o público de renda mais elevada foram reduzidos. Para a Associação Paranaense de Construtores, as alterações eram necessárias para dar mais condições de acesso às moradias, mas outras medidas devem ser feitas para auxiliar o setor.


O programa Casa Verde e Amarela foi criado em 2020 para substituir o programa Minha Casa Minha Vida, lançado em 2009.


Ouça:


Comments


bottom of page