• Redação

No Paraná, mais de 10 mil servidores municipais receberam auxílio emergencial


Um estudo feito pelo Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR) e a Controladoria-Geral da União (CGU) identificaram que  10.648 servidores, de 388 prefeituras do Paraná podem ter recebido o auxílio emergencial do governo federal.  O valor total destinado a essas pessoas é de 7.319.400,00.


O benefício foi criado para auxiliar a população mais vulnerável durante a pandemia da Covid-19. Trabalhadores informais, microempreendedores individuais (MEIs), autônomos e desempregados, também tem direito desde que cumpram requisitos previstos no Decreto.


Pelo texto, os agentes públicos, incluindo os ocupantes de cargo temporário, função de confiança, cargo em comissão e os titulares de mandato eletivo, não possuem direito ao benefício. Conforme o TCE, não está afastada a possibilidade de que os servidores supostamente beneficiados possam ter sido vítimas de fraude, o que será investigado em âmbito federal.


As 11 prefeituras do Paraná  que não tiveram registro de servidores envolvidos com o recebimento do auxílio são: Centenário do Sul, Entre Rios do Oeste, Iguaraçu, Itaguajé, Juranda, Pinhalão, Saudade do Iguaçu, Sertanópolis, Tomazina, Verê e Vitorino.

As informações coletadas serão enviadas ao Ministério da Cidadania. Caberá ao órgão tomar as providências para que os cofres públicos sejam ressarcidos dos pagamentos indevidos. 


O Tribunal de Contas também vai comunicar os prefeitos dos 388 municípios onde foi constatada a irregularidade. 


Ouça a notícia:


Visite

R. XV de Novembro, 591 

Centro 

- Ponta Grossa

- Paraná

- Brasil 

Ligue

Fone: (42) 3028-1300

Whats: (42) 99994-1011 

Email

jornalismo@cbnpg.com.br

Contato Comercial

opec@cbnpg.com.br