top of page
  • CBN Ponta Grossa

Paraná abre processo seletivo para contratação de PMs da reserva em colégios cívico-militares

Conforme o edital, são 31 vagas para monitores na região de Ponta Grossa.

Foto: Lucas Fermin/SEED

O Paraná abriu um processo seletivo para militares estaduais da reserva que queiram atuar nos colégios cívico-militares do estado. Os profissionais vão trabalhar em 194 escolas com essa modalidade e nas 12 unidades federais que devem migrar para gestão estadual com o fim do Programa Nacional.


O processo seletivo foi publicado nesta segunda-feira (17) pela Secretaria de Educação, em parceria com a Secretaria da Segurança Pública. O processo leva em consideração requisitos como número de vagas, locais de atuação e demais informações.


O período de inscrição encerra no dia 30 de julho e o resultado final será divulgado em 29 de setembro. A primeira etapa do edital consiste na inserção de documentos no sistema, seguida pela pesquisa da vida funcional e social do candidato, sob avaliação da Secretaria da Segurança Pública, e exame de saúde.


Após o anúncio do governo federal de descontinuidade do Programa Nacional das Escolas Cívico-Militares, as 12 escolas da rede estadual que pertencem ao modelo nacional migrarão para a gestão estadual no início do próximo ano letivo.


Além destes, outros 194 colégios cívico-militares do próprio Estado já fazem parte do programa estadual, o maior número do Brasil. Em Ponta Grossa, o colégio professor Colares, em Oficinas, deve ser incorporado o estado.


Outras instituições da cidade se enquadram nesse modelo, os colégios Frei Doroteu de Pádua, no Distrito de Piriquitos, Antônio Sampaio, em Uvaranas e José Elias da Rocha, em Oficinas.


Na região, colégios cívico-militares pelo programa paranaense estão em Carambeí, Castro, Imbituva, Palmeira, Piraí do Sul, Porto Amazonas e Tibagi. Conforme o edital, são 31 vagas para monitores na região de Ponta Grossa.



Posts Relacionados

Ver tudo

Comments


bottom of page