top of page
  • CBN Ponta Grossa

Paraná decreta luto oficial de três dias pela morte de PM vítima do ataque em Guarapuava

Cabo morreu neste sábado depois de cinco dias internado em estado grave.

Foto: Agência Estadual de Notícias

O governador Ratinho Junior decretou luto oficial de três dias no Paraná pela morte do cabo Ricieri Chagas. O decreto entrou em vigor neste sábado (23).


O policial militar foi uma das vítimas do ataque de criminosos a Guarapuava no último domingo (17). Ele estava em uma viatura que foi alvejada e levou um tiro na cabeça. O cabo morreu neste sábado depois de cinco dias internado em estado grave.


Ele deixa a esposa e um casal de filhos. Além do policial, um outro militar e um civil tiveram ferimentos leves.


A Polícia Militar do Paraná emitiu nota lamentando a morte do cabo. Segundo a nota, ele “teve uma carreira exemplar e extremamente operacional”. A PM ressaltou que o cabo era conhecido por todo o país por ter representado a corporação na Força Nacional.


Em nota, o governador Ratinho Junior também lamentou a morte do cabo Ricieri Chagas. Ele afirmou que o policial “foi atingido enquanto defendia a população paranaense, à serviço da polícia, e jamais será esquecido por esse ato de bravura”. O governador desejou os sentimentos à família.



Commentaires


bottom of page