top of page
  • CBN Ponta Grossa

Peregrinação prepara centenário da Diocese

A Rota do Rosário realiza romaria para lembrar os 100 anos

Padre Roberval e os peregrinos de Piraí do Sul. Foto: Divulgação

Desde fevereiro do ano passado, a Rota do Rosário, roteiro turístico religioso criado em 2008 e que reúne 15 santuários desde os Campos Gerais até o Norte Pioneiro do Paraná, realiza uma série de peregrinações em preparação ao centenário das Dioceses de Jacarezinho e Ponta Grossa (1926-2026). As visitas se darão pelos nos próximos cinco anos. Nesse domingo (3), peregrinos de Piraí do Sul, acompanhados do padre Roberval Mulhstedt, representaram o Santuário de Nossa Senhora das Brotas na peregrinação ao Santuário Santíssimo Nome de Jesus, em Joaquim Távora.


A chamada ‘Romaria Centenária da Rota do Rosário’ envolve os santuários que ficam, todos, na Diocese de Jacarezinho, com exceção do de Nossa Senhora das Brotas (Diocese de Ponta Grossa), caminho de fé e oração, conhecido como ‘Portal da Rota do Rosário’. “São feitas três visitas por ano. Tanto a Diocese de Jacarezinho quanto a de Ponta Grossa farão 100 anos em 2026.


Por conta disso, o Santuário de Brotas e o Mãe Rainha e Vencedora Três Vezes Admirável de Schoenstatt, da cidade de Jacarezinho, ficaram para 2026 justamente em comemoração pelo centenário”, comenta padre Roberval, reitor do Santuário de Brotas. O próximo santuário a receber a peregrinação será o Santuário Eucarístico do Sagrado Coração de Jesus, em Ibaiti, em 17 de março.


Este ano, as peregrinações tiveram como destino o Santuário Diocesano São Vicente Pallotti, de Ribeirão Claro, em março; o Senhor Bom Jesus da Pedra Fria, em Jaguariaíva, em agosto, e, este final de semana, o Santuário Santíssimo Nome de Jesus. Em 2022, a peregrinação começou em março, no Santuário do Senhor Bom Jesus da Cana Verde, em Siqueira Campos, que está há quase 100 anos sob o cuidado dos freis capuchinhos.


Das Assessorias


Comments


bottom of page