top of page
  • CBN Ponta Grossa

Polícia prende motorista 10 anos após morte de idoso atropelado

A Polícia Civil de Ponta Grossa, por meio do Setor Operacional e de Homicídios, cumpriu na terça-feira (2) um mandado de prisão expedido pela Vara Plenária do Tribunal do Júri de Ponta Grossa contra Éder Batista de Andrade, de 34 anos. Ele foi condenado a 11 anos de prisão em regime fechado por homicídio, crime ocorrido em 30 de agosto de 2014. Na ocasião, Éder de Andrade atropelou um idoso de 82 anos com uma caminhonete, arrastou a vítima por cerca de 500 metros e fugiu do local.


Além da condenação por homicídio, Éder de Andrade possui antecedentes por furto qualificado e receptação. Após a prisão, ele foi encaminhado à Penitenciária Estadual de Ponta Grossa.


Relembre o caso

No dia 30 de agosto de 2014 um homem de 82 anos morreu após ser atropelado por uma caminhonete Dodge Dakota, ano 1999, no bairro Nova Rússia. 


O impacto prendeu o idoso por um pedaço de roupa no pára-choque da caminhonete, e ele foi arrastado por aproximadamente 500 metros, até a Rua Generoso Martins de Araújo. O motorista da caminhonete não prestou socorro e fugiu do local. A vítima morreu no local devido a politraumatismo.


Testemunhas do acidente relataram que várias pessoas tentaram alertar o motorista sobre o corpo sendo arrastado, mas ele não parou. 


A caminhonete foi encontrada abandonada pouco depois do acidente em uma rua próxima ao local onde o corpo foi deixado. Mais tarde,  Éder Batista de Andrade, identificado como o motorista, apareceu na delegacia alegando ter sido vítima de um assalto a mão armada, afirmando que estava como refém no banco do passageiro durante o acidente.


A versão de Éder de Andrade foi contestada por testemunhas que o identificaram como o condutor do veículo e informaram que ele estava sozinho. De acordo com o delegado Guilherme Fontana, as alegações do motorista não foram confirmadas.


Por Vitória Testa, com supervisão de Emmanuel Fornazari


*Texto escrito a partir de informações da Polícia Civil


Comments


bottom of page