• Redação

Uso inadequado de máscaras pode aumentar o risco de contágio

Especialista afirma que material pode ser contaminado com as próprias mãos; principal medida de prevenção é manter a higiene

Desde o dia 27 de abril, Ponta Grossa recebeu um decreto da Prefeitura sobre o uso obrigatório de máscaras em transporte público, comércio, ruas e espaços com aglomeração. A ordem foi deliberada como forma de proteção contra a Covid-19 e para reduzir o índice de proliferação da doença.


De acordo com a Fundação Municipal da Saúde (FMS), algumas recomendações sobre o uso adequado das máscaras são que elas não podem ser tiradas do rosto e colocadas no queixo; não devem ser deixadas sobre qualquer superfície; devem sempre ser tiradas e colocadas pelo elástico; além de ser necessário lavar as mãos antes e depois de manuseá-las. É também importante ressaltar que esses equipamentos precisam ser trocados a cada duas horas e descartados, de forma isolada, dentro de um saco plástico ou outro recipiente.


“Quando usada corretamente, a máscara é como uma proteção para que as áreas mucosas do rosto não entrem em contato com gotículas infectadas. E quem estiver contaminado não irá espalhar o vírus. No entanto, se forem utilizadas de forma errada, podem ser um caminho para a proliferação do coronavírus, já que podem ficar expostas desnecessariamente a partículas contaminadas”, explica o médico e secretário adjunto de Saúde, Rodrigo Manjabosco.

Para quem não puder comprar uma máscara há a possibilidade de confeccioná-la, de forma rápida e simples. Pode-se aproveitar um lenço antigo ou até mesmo uma peça de roupa sem uso.


Confira as dicas de produção na imagem abaixo pela Prefeitura de Ponta Grossa:

Informações Assessoria de Imprensa

Imagem: Fundação Municipal da Saúde

Visite

R. XV de Novembro, 591 

Centro 

Ponta Grossa - PR

Ligue

Fone: 42 - 3028 1300

Whats: 42 9 9994 1011