top of page
  • Ricardo Silveira

Com 12.297 pessoas, contratações na Rede Sine do Paraná crescem 18,3% em maio

No acumulado do ano, foram registrados 57.532 encaixes em vagas de emprego, o que representa um aumento de 15,35% em comparação aos cinco primeiros meses do ano anterior, com 49.874 pessoas contratadas via rede Sine estadual

Foto: Roberto Dziura Jr/AEN

O Paraná encerrou o mês de maio com 12.297 pessoas colocadas no mercado de trabalho via Agências do Trabalhador e postos avançados de atendimento. No comparativo com o mesmo período de 2022, quando 10.395 contratos de trabalho foram intermediados pela rede Sine, o crescimento foi de 18,3%.


No acumulado do ano, foram registrados 57.532 encaixes em vagas de emprego, o que representa um aumento de 15,35% em comparação aos cinco primeiros meses do ano anterior, com 49.874 pessoas contratadas via rede Sine estadual. No comparativo com os cinco primeiros meses de 2021, em que 40.913 pessoas tiveram contrato de trabalho intermediado pelo Sine , o avanço é de 40,62%.


Com o desempenho de maio, o Paraná também mantém a curva de crescimento. Foram 8.689 em janeiro, 11.152 em fevereiro, 13.315 em março e 12.079 em abril.


Maio de 2023 também representa o melhor resultado dos últimos 10 anos para esse mês. O melhor resultado até então tinha sido em 2011, quando foram registrados 14.860 encaixes intermediados pelas Agências do Trabalhador e postos de atendimento. Foram 9.501 em 2012, 11.747 em 2013, 10.890 em 2014, 8.845 em 2015, 6.220 em 2016, 6.496 em 2017, 6.346 em 2018, 7.434 em 2019, 2.966 em 2020 (pouco após a chegada da pandemia), 8.860 em 2021 e 10.395 em 2022.


Os municípios que mais empregaram foram Curitiba (892), Toledo (448), Cianorte (424), Marechal Cândido Rondon (399), Francisco Beltrão (390), Assis Chateaubriand (372), São José dos Pinhais (366), Cascavel (335), Pato Branco (350) e Apucarana (257).


Para o secretário de Estado do Trabalho, Qualificação e Renda, Mauro Moraes, esse resultado mostra o impacto positivo dos mutirões de emprego e demais campanhas de empregabilidade realizadas pelo Governo do Estado em todas as regiões do Paraná. "O volume de colocados via Sine em maio comprova a efetividade da nossa estratégia de longo prazo, que é de crescimento mensal, atingindo números maiores que os já registrados nos últimos anos", destaca.


CAGED – De acordo com dados consolidados do Caged, o Paraná acumula mais de 54 mil novos postos de trabalho criados no primeiro quadrimestre de 2023 (saldo de contratações e demissões). Os dados apontam que, até o fim de abril, haviam 2,97 milhões trabalhadores atuando de maneira formal nos 399 municípios paranaenses.



bottom of page