• Redação

Gilson Aguiar: O poder da particularidade


Não sei se foi o hábito que me veio rápido de não ter que me assustar mais com a quantidade de notícias sobre assassinatos, mortes em acidentes de trânsito, assaltos e outras mazelas. Claro que tenho que concordar que por um outro lado me chocaram o número de pessoas mortas pela Covid-19. Mas também passaram a aumentar os números de infartos. Pessoas com problemas crônicos não procuram os hospitais com medo de contaminação. 

Consideravelmente os problemas que criamos em maior escala são de responsabilidade humana. Nossas escolhas nos colocam em risco. Sim, nossos valores, ações e reações são responsáveis por diversos problemas, alguns deles extremamente graves. E não adianta alguns que gostam de colocar a culpa na tal da natureza humana. Como pais de filhos mal educados que sempre argumentam que o filho é genioso. Mesmo a hiperatividade, que atinge muitos de forma séria, se generalizou como desculpa para justificar os excessivos. Não acredite. Grande parte dos sem educação tem falta de criação e não déficit de atenção. É esta mania de vitimar o culpado e avacalhar com o inocente. 

Uma das práticas que me assusta é a retomada do número de acidentes em seus índices chamados de normais com o afrouxamento das medidas de isolamento social. Os excessos são os principais responsáveis pelos acidentes, muitas vezes com condutores embriagados. Beber é uma opção e não uma condição. 

Diante desta realidade de seres humanos que não conseguem se controlar, fico pensando. Será mesmo que a pandemia do coronavírus é o nosso principal problema? Hoje, para que a contaminação não cresça precisamos que as pessoas tomem medidas em sua vida doméstica, no seu comportamento pessoal. A vida de todos na mão de cada um. Porém, isto já acontece faz tempo. Muitas vidas são perdidas pelas escolhas de outros pessoas. Nada é diferente.

O poder de decisão de cada um continua sendo determinante. Isto pode fazer uma imensa diferença. Gerar bons resultados, fazer uma sociedade melhor mesmo diante da crise. As escolhas particulares têm forte relevância na vida social. O indivíduo tem poder. Em seus atos isolados causa inúmeros efeitos. Ter consciência disso pode ser um passo importante para inúmeras soluções.

Imagem: Divulgação/Pixabay


Ouça o comentário de Gilson Aguiar para a CBN Ponta Grossa:


Visite

R. XV de Novembro, 591 

Centro 

Ponta Grossa - PR

- Paraná

- Brasil 

Ligue

Fone: (42) 3028-1300

Whats: (42) 99994-1011