top of page
  • CBN Ponta Grossa

Mulher suspeita de matar os filhos em Guarapuava fica em silêncio durante depoimento, diz Polícia

Segundo a Polícia Civil, ela confessou o crime aos policiais no momento em que foi presa no último sábado (27).

Foto: Polícia Civil

A mulher, de 31 anos, suspeita de matar os dois filhos em Guarapuava, na região central do Paraná, ficou em silêncio durante o depoimento, conforme a Polícia Civil. Ela confessou o crime aos policiais no momento em que foi presa no último sábado (27).


Segundo a Polícia, a mulher é suspeita de matar os filhos de três e 10 anos. Os corpos das crianças foram encontrados em cima da cama em um apartamento. Segundo a investigação, a mulher confessou que matou os filhos há cerca de 15 dias depois de um surto.


A Polícia, no entanto, descartou o pedido de um laudo psiquiátrico e não encontrou indícios de que ela teria tido um surto no momento do crime.


A delegada responsável pelo caso afirmou que o menino de três anos foi asfixiado por um travesseiro e a menina foi enforcada com um cordão depois de receber um calmante. A mulher também disse à Polícia que tentou tirar a própria vida de diversas formas, mas não conseguiu.


Ela afirmou que não aguentava mais cuidar dos filhos porque o pai da menina já é falecido e o do menino não acompanhava a criação.


A mulher foi presa por ocultação de cadáver e fraude processual e pode responder por homicídio. Os corpos das crianças foram levados para Itajaí, em Santa Catarina, onde moram os familiares e devem ser sepultados sem velório nesta segunda-feira (28).


Uma perícia foi realizada no local para confirmar os fatos e a data em que as crianças foram mortas. A Polícia Civil investiga e aguarda os laudos do Instituto Médico Legal (IML) para concluir o caso.


Comments


bottom of page