top of page
  • CBN Ponta Grossa

VÍDEO: Ponta Grossa inaugura casa para acolhimento de mulheres em situação de violência

Espaço deve ter atendimento psicológico e social, orientação e encaminhamentos jurídicos. A primeira-dama do Paraná, Luciana Saito Massa, participou da inauguração

Foto: Thailan Jaros/CBN Ponta Grossa

Ponta Grossa inaugurou nessa terça-feira (22) uma casa para o atendimento e acolhimento às mulheres em situação de violência. A Casa da Mulher deve ter atendimento psicológico e social, orientação e encaminhamentos jurídicos.


Conforme a secretaria da Família e Desenvolvimento Social, todos os atendimentos ficarão reunidos em um único lugar para facilitar a prevenção da violência. A Casa da Mulher vai atuar na articulação com as instituições governamentais e não governamentais que integram a Rede de Proteção à Mulher.

De acordo com a prefeitura, é um espaço humanizado e deve contribuir para o fortalecimento da mulher e o rompimento do ciclo de violência.


Além dos serviços de acolhimento psicológico e social, a Casa também vai receber as equipes da Patrulha Maria da Penha, que atualmente acompanham 610 mulheres com medidas protetivas em vigência no município.


Integram a Casa da Mulher, ainda, o Centro de Referência de Atendimento à Mulher (CRAM), e o Projeto OAB por elas.


A primeira-dama do Paraná, Luciana Saito Massa, esteve em Ponta Grossa e participou da inauguração. Ela afirmou que o estado deve estar atento à prevenção para que casos de violência não aconteçam.

Foto: Thailan Jaros/CBN Ponta Grossa

A casa é um imóvel alugado pela prefeitura. A prefeita Elizabeth Schmidt destacou que foi necessário alugar o espaço para abrir a casa o mais rápido possível.


Uma sede definitiva deve começar a ser construída em um terreno ao lado da Praça do Por do Sol. A nova Casa da Mulher deve custar R$ 1.450.000, verba de uma emenda parlamentar destinada ao município.


A Casa da Mulher fica na Rua Theodoro Rosas, nº 1651, no Centro de Ponta Grossa. Os atendimentos começam nesta quinta-feira (24), das 9h às 17h.


Ouça:


Kommentarer


bottom of page