top of page
  • Ricardo Silveira

Ponta-grossenses celebram o Dia de Finados

Cemitérios ficaram abertos durante todo o dia para visitação

(Foto: Thailan Jaros).

A população ponta-grossense participou nesta quarta-feira, 2, da celebrações do feriado de Finados. Momento de homenagens aos entes queridos que já partiram. Os sete cemitérios da parte urbana e nos 14 dos distritos rurais da cidade, ficaram abertos para visitação durante todo o dia.


Corina Portugal


No Cemitério Municipal São José, no centro da cidade, o túmulo de Corina Portugal é local de orações e manifestações de carinho por parte da população.


Considerada uma “santa popular”, Corina foi um dos primeiros casos de crime com características de feminicídio divulgados em Ponta Grossa.

Corina foi morta com 32 golpes de punhal pelo esposo em 26 de abril de 1889, quando tinha 20 anos de idade. Na época, o marido alegou que Corina teria um caso extraconjugal com um médico.


Em 2022, sua morte completou 133 anos e seu nome é lei de combate à violência doméstica, aprovada pela Câmara Municipal de Ponta Grossa em 2021.

Comments


bottom of page